2 de fevereiro de 2015

6 curiosidades que não sabias sobre o Tapir

O tapir, também conhecido por anta, é uma mamífero que habita a América Central, América do Sul e o sul da Ásia. Actualmente, existem 5 espécies de tapir vivos, tendo sido uma das espécies descrita no ano de 2013.

1. Quatro das espécies de tapir estão em vias de extinção

As espécies Tapirus bairdii, Tapirus indicus, Tapirus pinchaque e Tapirus terrestris infelizmente encontram-se em vias de extinção, estando as 3 primeiras em perigo e a ultima em estado vulnerável. A quinta espécie de tapir existente (Tapirus kabomani) não se encontra classificada por ter sido descoberta à relativamente pouco tempo e por isso ainda não se sabe ao certo o seu estatuto de conservação. As principais razões para estas espécies se encontrarem em vias de extinção são a desflorestação e a caça ilegal.

2. É difícil de se observar na natureza

Esta é uma espécie de hábitos solitários, sendo só encontradas juntas apenas durante o acasalamento e a amamentação e para além disso quando ameaçada, mergulha na água ou se escondem nas matas. E por essas mesma razão se torna difícil de avistar um tapir no seu habitat natural.

3. Tem um nariz muito engraçado

A característica mais peculiar dos tapires sem dúvida que é o seu nariz engraçado. Porém, além de estranho e bonito, este é muito importante. Uma vez que o seu nariz carnudo preênsil é utilizado para apanhar folhas e até mesmo auxilia-o durante os mergulhos.

4. Possui estratégias que reduzem a predação por grandes carnívoros

Para além de ser uma espécie bastante forte, podendo pesar mais de 100 kg, para escapar a um predador os tapires podem fugir rapidamente para as florestas e áreas mais densas ou então mergulhar em águas profundas, uma vez que estes podes ficar durante 1 min submersos na água. Uma outra estratégia está presente na camuflagem das crias que ao serem as pintas e listadas, conseguem esconder-se por entre as vegetações mais densas. 

5. Possuem um modo de reprodução que os prejudica na sua conservação

Os períodos de gestação duram cerca de um ano, aproximadamente 13 meses e as fêmeas dão à luz um único filhote (raramente gémeos). Além disso, o tempo entre uma gestação e outra varia de 18 meses a até dois anos. Esse período longo de gestação e entre gestações, faz com que os pesquisadores tenham ainda mais preocupação, pois as chances dos tapires serem mortos antes de completar a gestação ou ter outra gestação são muito grandes.

6. São óptimos engenheiros dos ecossistemas

O tapir possui uma grande capacidade de dispersão de sementes, desempenhando assim um grande papel na manutenção da diversidade biológica em florestas das regiões tropicais. As suas fezes, que chegam a acumular-se em grandes montes, contém muitas espécies vegetais que são trazidas de diferentes regiões e dispersas à medida que o tapir percorre outros ambientes, auxiliando assim na regeneração das florestas.

Fonte: http://www.euquerobiologia.com.br/2014/11/7-razoes-para-voce-adorar-as-antas.html;
            http://pt.wikipedia.org/wiki/Tapirus
Não te esqueças de seguir a página de facebook do blog, pois muitas outras curiosidade se encontram lá!

11 comentários:

Nea* disse...

Eu acho os tapirus tão engraçados e fofos!

Nea* disse...

r: Obrigada pela sugestão!

Inês Direito disse...

Adorei ficar a saber mais sobre eles!
beijinhos
http://direitoporlinhastortas-id.blogspot.pt/

Nea* disse...

r: Tu lá sabes! ahah

Pedro Sampaio disse...

É sempre bom saber mais das espécies que habitam connosco :)
r: Muito obrigada Sara!

Morning Dreams disse...

Eu sabia muito pouco sobre o Tapir!

MORNING DREAMS

Sofia Silva, Beijos*

Emma disse...

Que coisas fofas *.*
O planeta seria muito mais bonito sem os humanos. Destruímos tudo :(

P' disse...

Oin que bichicnhos tão fofinhos. O mundo animal é mesmo lindo :D

r: obrigada :) o objectivo é mesmo esse: criar um negócio próprio eheh

Moon disse...

Eu à partida ficarei em quartos :/
Não me quero meter já numa casa.

O teu blog é super engraçado xD

Caty disse...

O nariz é mesmo engraçado xD


*Beijinhos*
Caty<3
http://myfairytale4.blogspot.pt/

Silvino Abraao disse...

Até ler este artigo pensa que só abitavam o continente sul-americano!
Adorei saber!kkkkkk

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...